NOSSO TEMPO

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

PARA ATENDER VONTADE POPULAR VIOLA DEIXA PPS E SENTE PREPARADO PARA NOVOS VÔOS


Chega um momento na vida pública que um político tem que ter opinião mais que formada. E assim o vereador e atual presidente do Legislativo Novaeuropense Ovídio Soares 'Violinha', que não esconde sua vontade de vir a disputar as eleições 2016 como candidato e prefeito, teve que ter uma decisão, que para história política de Nova Europa pode ser considerada de muito arrojo e com visão de fato de poder estar na disputa e com isso buscar sempre mais por sua gente. Viola até então filiado ao PPS, e por saber que o atual prefeito também do mesmo partido deva buscar a reeleição, e por ter divergências dentro de ações do chefe do executivo, buscou em outros nomes fortes da política estadual o respaldo, foi quando no PRB encontrou este alicerce para buscar a chance de estar na disputa para o cargo majoritário na 'Cidade Amiga', e assim foi que buscou apoio primeiro do vereador gavionense e também do PRB Joel Ribeiro, em seguida se reuniu com o deputado Sebastião Santos (foto) e já tem algo alinhado com o deputado federal Celso Russomano. E várias as pressões, que se saisse do PPS perderia junto sua cadeira como legislador, mais isso esteve longe de intimidar o vereador, que defende que para se trabalhar tem que ter primeiro respaldo popular e depois do partido no qual se elege, e neste sentido Viola até coloca que sempre foi bem recebido por lideranças estaduais do PPS, citando Davi Zaia e Arnaldo Jardim. Mais viu que 2016 pode ser seu momento de buscar um degrau maior dentro da politica local, e esta mudança poderá permitir que ele caminhe rumo a disputa para prefeito, isso por diariamente estar recebendo respaldo popular e de lideranças políticas de Nova Europa para alcançar este obetivo. "Eu digo que não basta apenas ser prefeito, em que ter projetos voltado para as pessoas, e isso é saber cuidar bem de setores primordiais, abrir um canal mais livre com o povo, sem que o cargo de prefeito suba a cabeça e o povo seja esquecido, sem povo não se elege e nem sentido tem em estar eleito, por isso vejo estar preparado, e para tanto vejo hoje poder contar com algo primordial, saber ouvir as pessoas, e ainda tenho do funcionalismo um diálogo franco, e estes servidores em melhor sintonia com quem é eleito com certeza atenderão ainda melhor nossa gente", finaliza o vereador Violinha.
E a nossa reportagem o vereador disse, que chega aquele momento em que os que ocupam um cargo eletivo ou até quem não, enxerga a necessidade de dar sua maior contribuição para o crescimento de uma cidade e com isso estar mais em coerência com o que almeja cada cidadão. Saindo pelas ruas vejo que nossa cidade necessita urgente de novas idéias e de um potêncial voltado a fazer política de baixo para cima, onde ao buscar recursos se faça com base em reivindicações, de quem é motivo maior de políticas públicas existirem, e sei que estou preparado...em um novo partido sei que poderei almejar este desejo, de estar na disputa, seja como prefeito ou vice, isso o tempo vai dizer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.