NOSSO TEMPO

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

SAÚDE LOCAL VACINARÁ MENINAS CONTRA HPV

SAÚDE VACINA MENINAS CONTRA O HPV
A Secretaria Municipal de Saúde estará realizando entre os dias 10 de março há 10 de abril a Campanha de Vacinação contra HPV (Papilomavírus humano- Human papillomavirus), que é um vírus cuja transmissão ocorre, preferencialmente, pelas relações sexuais,fato que o conside como a DST (doença sexualmente transmissível) mais frequente no mundo. São vírus da família Papilomaviridae, capazes de induzir lesões de pele ou mucosa, as quais mostram um crescimento limitado e habitualmente regridem espontaneamente por ação do sistema imunológico. Existem mais de 200 tipos diferentes de HPV, dos quais cerca de 45 infectam a área ano-genital masculina e feminina. Durante esta campanha as meninas serão vacinadas na escola, com idade de 11 a 13 anos, no período das 08h às 17h. Portanto, solicitamos atenção a esse período para não faltarem das aulas e perderem a vacinação. Se quiserem também podem optar em ir até a uma unidade de saúde para receber a vacina. Maiores informações procure a Unidade de Saúde que fica na Alameda Estevo, 377 – Centro ou entre em contato pelo tel: 3308-1202.
ASSIM GPX
MTB 58003/SP

DANÇA DE RUA EM GAVIÃO TERÁ SEU INÍCIO EM ABRIL

SECULT REINICIARÁ OFICINA DE DANÇA DE RUA EM ABRIL
A Secretaria Municipal de Cultura de Gavião Peixoto está recebendo inscrições para a Oficina de Danças de Rua que terá reinício no mês de Abril. O Projeto é uma parceria da Secult com a Secretaria de Cultura do Estado, através da Oficina Cultura Regional Lélia Abramo, de Araraquara. De acordo com João Batista, Coordenador da Oficina, “a parceria com Gavião Peixoto vem de longa data, quando o atual dirigente de cultura, era nosso oficineiro em teatro. Agora a frente da Secretaria de Cultura do Município, continuaremos a união de esforços para consolidação das manifestações culturais da cidade e da região central. As aulas serão ministradas pelo professor Aleksander Sgroy, de Araraquara. A Oficina de Danças de Rua terá início em Abril e será realizada na sala de dança da Secretaria de Cultura todo sábado das 14h às 17h. Os interessados, acima de 12 anos, deverão ir até a secretaria e realizar as inscrições. Maiores informações entrar em contato pelo telefone: 3308-1515.
 
 

ASSIM GPX
MTB 58003/SP

ESCOLA MUNICIPAL DE GPX TEM NOVO BEBEDOURO

NOVO BEBEDOURO NA ESCOLA MUNICIPAL MARTHA FERREIRA DA CRUZ
 
Exibindo bebedouro.jpg
A Prefeitura Municipal de Gavião Peixoto adquiriu e instalou um bebedouro industrial, próprio para atender locais de grande fluxo de pessoas, como: escolas, ginásios, para a Escola Municipal Emef Martha Ferreira da Cruz. A aquisição desse material destinou-se para melhor atender aos baixinhos, que com o calor desta época do ano consomem mais água, principalmente nos horários de entrada, saída e intervalo. Os alunos que antes se refrescavam com dois pequenos e gastos bebedouros poderão desfrutar agora de mais um. Segundo a diretora Paula Leonardo, “visamos servir melhores condições para que nossos alunos possam estudar com mais decência. A prefeitura investiu na aquisição de mais um equipamento, com isso esperamos uma melhora de rendimento, gerando assim, mais saúde para nossos alunos e professores, já que á agua é vital”.
O bebedouro é suspenso e possui gabinete externo, torneiras (modelo pressão “jato escolar”) e cuba feita em aço inox. Os estudantes agora deverão zelar para garantir a durabilidade do bebedouro, garantindo assim também água gelada e fresca sempre que a sede falar mais alto.


ASSIM GPX
MTB 58003/SP

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

'CAMINHADA DA SAÚDE' JÁ COMEÇOU PULAR O CARNAVAL!!

 
A Prefeitura Municipal de Gavião Peixoto através do Fundo Social, Centro de Fisioterapia e Agentes Comunitárias de Saúde de forma conjunta soma para qualidade de muitos cidadãos gavionenses, através do Programa 'Caminhada da Saúde'. Onde um grupo preocupado pelo o bem estar e qualidade de vida tem toda semana atividades que vem proporcionando interação e atividades que permite viver com maior perspectivas de longevidade através de exercícios e acima de tudo a sensação de que muito podem somar para o próximo ao se sentir mais que vivo...sentir-se na verdade muito útil!
E na tarde de hoje realizado no Osvaldão o grito de Carnaval (foto), com muita dança, marchinhas e não faltou confetes e serpentina...o tradicional espuma e o mais importante, a alegria estampada em todos presentes neste dia que com certeza é uma ressocialização importante, que vem ao encontro do Programa intitulado Saúde e Bem Estar.


trenzinho da alegria...uma festa pela saúde

a fisioterapeuta Camila também caiu na folia com todo grupo
 
no meio da folia um tempo para tirar fotos e registrar

extravasando toda alegria...interação entre amigos, bom demais!
 
a quadra com muitos confetes...e claro com muita alegria em cada face

uma tarde para gritar um viva a vida e a amizade...com saúde de qualidade!

GAVIÃO PEIXOTO: HOMEM É PRESO E MENOR DETIDA POR TRÁFICO DE DROGAS

Por Redação
Data: 26/02/2014 09:44:09
Em patrulhamento na madrugada desta terça-feira (25), um rapaz de 20 anos e uma menor de 17 anos foram flagrados pela Polícia Militar em um ponto de tráfico na região central de Gavião Peixoto.
Segundo testemunhas, a dupla trafica em bares e esquinas, sendo que a menor é usada para transportar a droga. Os policiais aguardaram que a dupla retornasse do ponto de tráfico e fez a abordagem, porém nada foi encontrado com o rapaz e o mesmo foi liberado. A menor foi levada até a delegacia e o Conselho Tutelar acionado. Com ela, foram encontrados três pinos de cocaína em seu sutiã. Ela alegou que a droga seria usada para o tráfico.
O rapaz foi encontrado posteriormente pela PM no Jardim brasil. Em revista, os policiais encontraram dois pinos de cocaína no bolso da calça. Ele foi preso e conduzido ao Anexo de Detenção Provisória de Araraquara.
 

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

BANCO DO POVO ELEVA TETO DE EMPRÈSTIMO E REDUZ JUROS

Banco do Povo eleva teto de empréstimo e reduz juros

Taxa cai de 0,5% para 0,35% ao mês; pessoa jurídica agora pode financiar até R$ 20 mil

26/02/2014 - 08:39
Tribuna Impressa - Araraquara- Da reportagem
O empréstimo do Banco do Povo Paulista ficou ainda mais atrativo. O Governo do Estado anunciou redução na taxa de juros, de 0,5% para 0,35% ao mês, e aumento no limite de crédito.
No caso de pessoa física, o valor máximo foi de R$ 10 mil para R$ 15 mil. Para a pessoa jurídica, passou de R$ 15 mil para R$ 20 mil. Ambos se referem ao quarto empréstimo, pois os limites crescem aos poucos.

O programa, criado em 1998, atende empreendedores formais ou informais, urbanos e rurais, microempreendedores individuais, produtores rurais, cooperativas e associações de produção. Hoje, no Estado, são 524 unidades do banco em 514 cidades atendidas.
“Estamos analisando o cenário econômico há praticamente um ano e encontramos o período mais adequado para as mudanças”, diz o diretor-executivo estadual do Banco do Povo, Antonio Mendonça, em entrevista à Tribuna.
Baixa inadimplência
Segundo Mendonça, a baixa taxa de inadimplência (3,2% no Estado) é um dos motivos de o programa dar certo.

“O índice é três vezes menor que um crédito comum de consumo. O pagamento em dia beneficia muitos outros empreendedores”, analisa.
Desde a fundação, o banco emprestou R$ 1,27 bilhão a 336,2 empreendedores. Seu patrimônio atual é de R$ 300 milhões e, durante esses anos, foram investidos R$ 130 milhões (90% desses recursos são do Governo do Estado e 10% das Prefeituras).

Para o diretor-executivo, o dinheiro do Banco do Povo é “barato”. Ele dá como exemplo um empréstimo de R$ 5 mil a ser pago em dois anos. Os juros, neste caso, são de R$ 220.
“É um recurso injetado em uma fidelidade produtiva, investindo na economia e ajudando o cidadão a alimentar o próprio negócio, a costureira a comprar sua máquina”, complementa Mendonça.
Nova taxa gera mais ‘curiosidade’
Edmilson de Oliveira Bueno, gerente do Ceat (Centro de Atendimento ao Trabalhador) de Araraquara, que inclui o Banco do Povo, acredita que a procura pelos empréstimos deverá aumentar na cidade.
“Se a taxa de 0,5% já era convidativa, a 0,35%, então, gera mais curiosidade ainda para ver como funciona”, diz.

A medida estadual deverá beneficiar Araraquara, segundo Bueno.
“O Banco do Povo é voltado ao pequeno empreendedor. Existem inúmeros na cidade, que contratam e movimentam o mercado, principalmente nos bairros, não só no Centro. É uma boa hora para melhorar o negócio e mudar a estrutura física ou os equipamentos de trabalho.”

Entre os investimentos apontados para o negócio estão troca de piso, pintura, reformas de uma forma geral e compra de mercadorias.

Os interessados em realizar um empréstimo no banco devem ir à unidade de Araraquara, que fica na rua Voluntários da Pátria (rua 5), 2.310, no Centro, das 8h às 16h30.
No local serão informados quais os procedimentos e os documentos necessários, o que varia de acordo com cada financiamento.
Serviço já é conhecido no Interior, diz diretor
Antonio Mendonça, diretor-executivo do Banco do Povo Paulista, afirma que a população das pequenas cidades do Interior já tem conhecimento sobre o programa, que existe há 15 anos. Agora, o foco de divulgação será nos grandes centros. “Nesses locais, há uma diversidade maior de oferta. Precisamos massificar essas informações, com foco no microempreendedor.”

FOLIA DE MOMO EM GAVIÃO PEIXOTO

Foto: Já podemos sentir cheiro de muita folia no ar, é galera gavionense vem ai mais um Gavifolia com muita Diversão, Animação, Segurança, Premiação de Blocos e Foliões, Praça de Alimentação e Novidade....
Venham todos curtir com sua Família pois a diversão é garantida por 4 Noites de Folia e 2 Matinês com Brinquedos e a Nova Atração do Gavifolia o Rala Peito..
Começa neste sábado, a partir das 19 hrs com o Carnaval da Melhor Idade...
Participem!!!

PRAÇA CENTRAL RECEBERÁ NOVOS BANCOS E LIXEIRAS

 
A Praça Central de Gavião Peixoto começou a ter o seu projeto de revitalização ainda na gestão passada. Onde foram plantadas gramas nos canteiros, colocação de ladrilhos laterais e novas luminárias. E assim que o atual governo assumiu sempre afirmou que o projeto teria sua continuidade. Assim foi que se iniciou o paisagismo com plantio de lindas flores, plantas ornamentais, a reativação da fonte central, e cuidados com a limpeza do local onde para tanto a praça conta com os serviços de um funcionário fixo. E na manhã de ontem nossa reportagem flagrou a chegada de novos bancos e lixeiras, que serão colocados em pontos que faltam estes equipamentos de suma importância para municipalidade. E algo primordial tem que acontecer, o zelo por parte de cada cidadão, que as pessoas possam usar os bancos de forma adequada, sentando nos assentos e não nos encostos e assim será um fiscalizador.  Tudo no local investido é recurso de todos, portanto estes mesmos que ajudam com seus impostos a ter serviços revertidos, possam ter ações de cidadania e não deixem que vandalizem com algo que existe para deixar o cartão postal da cidade mais bonito e atraente aos olhos dos gavionenses e visitantes.
Foto de Marcelo Graia.
o vereador Coca mostra como um cidadão do bem usa o banco

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

18ª TAÇA EPTV DE FUTSAL TERÁ SEU PONTA PÉ EM ABRIL

 
A equipe de futsal de Gavião Peixoto voltou aos treinos como preparativo para 18ª Taça EPTV 2014 90% será formada com atletas da cidade, diferente dos anos anteriores. Foram feitos até agora um treino (sábado passado) e na noite de hoje um jogo treino versus uma equipe de Araraquara e a vitória de GPX pelo placar de 7 gols a 5. Nossa reportagem esteve presente e ficou claro que estes treinos serão importantes, já que foi possível perceber que existe um desentrosamento natural. O que se adquire através de aprimoramento das jogadas no que diz respeito a tática e técnica de cada atleta e com isso chegar no entrosamento aceitável para uma disputa tão acirrada. E sobre a Taça EPTV informamos:
 
Inscrições: 24/fevereiro a 14/março
Congresso Técnico: 2/abril
Abertura: 12/abril
Período de Jogos: 17/abril a 19/maio
Semifinais: 26/maio
Disputa 3º/4º: 29/maio
Final: 7/junho

Araraquara saiu na frente do placar, na imagem o 2º gol na saída do goleiro Wilian
 

O PARTIDO E A ORDEM 'DESENCONTRO'

O partido e a ordem

Além de 2014 e a reeleição de Dilma, está em curso outra batalha: a conexão (ou não) do PT com uma nova geração de militantes por um Brasil mais justo.


Jean Tible (*)
Arquivo

Desencontro

Existe um – surpreendente? – desencontro entre as mobilizações recentes (as jornadas de junho que prosseguem de várias formas e intensidades) e o Partido dos Trabalhadores.

Algumas posições-ações petistas causam surpresa (apesar de não representarem o PT como um todo): torcida – explícita ou não – pelo fim das manifestações; avaliação que estas acabaram; flerte com as perigosas vias da criminalização das “ações violentas” (de manifestantes, não das polícias).

São posturas petistas contra natura, já que o PT nasce e vem desse mesmo lugar, das resistências, ruas, locais de trabalho, bairros, periferias, campo. O PT como criação “inédita”, por mesclar democracia e diversidade internas com uma nova forma de ocupar posições institucionais. Um partido-movimento; que vem perdendo fôlego.

Passados onze anos de governo federal – e inúmeras conquistas sociais e políticas –, um diagnóstico compartilhado por muitos militantes e dirigentes manifesta a imperiosa necessidade de transformação do partido. As manifestações são justamente uma oportunidade inédita – uma dádiva – para o PT pensar as “lacunas que persistem na reflexão partidária” (Convocatória do V Congresso).

Reflexão e ação. Em várias intervenções, Dilma, Lula e Rui Falcão declararam sua “abertura” aos protestos e às reivindicações das ruas-redes. Apesar dos cinco pactos propostos pela Presidenta (e da vinda dos médicos cubanos), tal abertura ainda permanece, infelizmente, antes de tudo retórica.

Direito de lutar e manifestar

Talvez o principal desencontro se dê na falta de indignação frente às prisões arbitrárias de manifestantes que... manifestavam. Isso vai contra qualquer Estado democrático de direito e ocorreu em muitas cidades brasileiras, em vários momentos. Surgem, além disso, inúmeros relatos de perseguições cotidianas a vários militantes (e a suspeitíssima morte da atriz e diretora de teatro Gleise Dutra Nana, após um incêndio em sua casa em Duque de Caxias). Nenhuma fala contundente, nenhuma ação. Mesmo se esses fatos inadmissíveis são produto dos governos estaduais e suas polícias, várias intervenções desastrosas do Ministro da Justiça indicam um – implícito? – apoio à repressão suave em curso: “inteligência” contra “lideranças”, endurecimento da legislação.

Perdeu-se aí uma possibilidade de articulação entre lutas contra injustiças. Faltou uma posição mais contundente do PT pelo Estado democrático de direito, isto é contra a prisão arbitrária dos jovens (agora soltos, salvo um, o morador de rua Rafael Braga Vieira, não por acaso negro e pobre, condenado a cinco anos de prisão por carregar um frasco de desinfetante e outro de água sanitária, instrumentos de trabalho, na manifestação de 20 de junho), sem direito à fiança e com acusações frágeis para dizer o mínimo. Ademais, a crítica às condições carcerárias não se fez ouvir com força antes das injustas prisões dos petistas. Teria outra posição colocado os jovens manifestantes ao lado da revolta petista contra os arbítrios da AP470 e as prisões dos seus antigos dirigentes?

Quando a trágica morte do cinegrafista Santiago Ilídio Andrade vem se somar à dezena de mortes já ocorridas desde o início dos protestos (inclusive uma, do camelô Tasman Accioly fugindo das bombas da polícia no dia em que Santiago foi atingido), isso se reforça. O terrível acidente – e dramático erro – leva a um linchamento. A violência policial parece ser vista como natural. Assim como as balas de borracha. O que deve ser debatido é, ao contrário, o uso de máscaras por parte alguns manifestantes e leis contra o “terrorismo”. Acabaram encontrando-se, surpreendentemente, do mesmo lado PIG, muitos blogueiros progressistas e setores do PT...

Algo mudou no país. O recorrente se tornou insuportável. Amarildo. Amarildos. Douglas. E muitos outros. Revoltas contra o continuum escravocrata do nosso país. No entanto, ao invés de pautar de forma contundente uma reforma das polícias (incluindo a desmilitarização da PM, projeto da esquerda derrotado na Constituinte de 1988 e novamente nos anos 1990), de provocar um debate nacional, o PT praticamente silencia. Essa reforma e uma nova política de drogas (incluindo a legalização da maconha e outras medidas visando separar seu consumo do crime organizado) são fundamentais para enfrentarmos o extermínio da juventude negra, assim como o atual encarceramento em massa.

Uma agenda de esquerda caminharia, a meu ver, rumo à afirmação de um Direito à luta e à manifestação. Nunca mais Pinheirinho, Tekoha Guaviry e muitos outros, incluindo o assassinato de um índio por semana desde 2003 (dados do Cimi).

Algumas propostas já estão em pauta no Senado, por iniciativa de Lindbergh Farias (proibição das balas de borrachas e desmilitarização da polícia). Uma regulamentação das armas menos letais como um todo (balas de borracha, bombas de efeito moral, gás lacrimogêneo, etc.) poderia ser um bom começo. Temos bons exemplos ao Sul, na Argentina (armas menos letais) e no Uruguai (maconha).

Democracia, representação e participação

Parece-me que a única forma de aprofundar o processo de transformação em curso no Brasil está na conexão do partido com um fértil fenômeno que envolve a realização de assembleias horizontais e a ocupação de espaços públicos, legislativos – e até shoppings! – e à política (mais horizontal, distribuída) que anuncia uma nova geração, aqui e pelo mundo. Menos representação e mais participação.

Trata-se de uma oportunidade de se repensar a participação popular e as dinâmicas sociedade-estado. Em que pese a importância, histórica e atual, da democracia participativa do modo petista de governar, esta não é mais suficiente.

O Orçamento Participativo teve um papel fundamental no difícil contexto dos anos 1990 para todas as esquerdas e buscava – numa das perspectivas mais radicais (Raul Pont) – colocar em xeque a “representação burguesa” a nível local (vereadores). Um esboço de soviet contemporâneo.


Hannah Arendt celebrava os conselhos como o “tesouro perdido da tradição revolucionária”, mas o fazia somente no sentido político e não econômico (este sendo inquestionável?). Paradoxalmente, o PT foi se aproximando de uma perspectiva “liberal” de participação. Temos o exemplo da Islândia (apesar das fortes especificidades desse país), onde uma revolta popular, seguida de um plebiscito, mudou a política econômica e depois a constituição com ampla participação dos cidadãos, inclusive pelas redes sociais. No programa do Partido X, criado a partir do 15M espanhol (indignados), aparece com destaque a ideia de uma democracia econômica.


Abre-se hoje o desafio de pensar o modelo produtivo e a participação neste campo. A abertura das planilhas, das companhias privadas de ônibus à geração e distribuição de energia. Criar novos espaços, tais como a reivindicação histórica da CUT em participar do Conselho de Política Monetária. Transparência (acesso aos dados) e participação na Petrobras, Eletrobrás e BNDES. As lutas abrindo os debates. Como foi decidida Belo Monte? Quais os investimentos na Amazônia? E as condições trabalhistas nas grandes obras? Que controle das empresas, públicas e privadas? Por que não temos uma política de esporte amador digna desse nome? Uma Copa e Olímpiadas participativas não teriam permitido as remoções em seu nome (Copa rebelde!).

A participação mais do que a representação envolve também pensar em mecanismos onde os usuários – da saúde, educação, transporte... – possam ter maior protagonismo, inclusive no controle social e – por que não? – gestão. Gestão das questões públicas para que se tornem realmente públicas, ou melhor, comuns...

Novos personagens. Desejo de mudar a política. Em ato, na prática. A abertura das planilhas do transporte metropolitano privado e outras somente são possíveis com mobilizações na rua. Isso vale também para as reformas “estruturais”, lei de mídia, reformas política, urbana, tributária ou agrária. Ou para aprovar, enfim, o Marco Civil da Internet, a reforma da polícia ou uma nova lei de drogas. Menos apelos (genéricos) às “grandes” reformas e mais ações concretas que apontam para essas mudanças que desejamos. Junho (que continua) permite pensar em novas formas de articulação entre lutas (ruas, redes e instituições). Onde o governo não tem “correlação de forças” para mudar certas políticas, o PT deve abrir os debates, mobilizar e ajudar a alterar a tal correlação de forças....


Além de 2014 e a reeleição de Dilma, está em curso outra batalha: a conexão (ou não) do PT com uma nova geração de militantes por um Brasil mais justo e livre e com sua potência democrática. 2014 pode ser “vencido” sem isso, o próximo período não. Tal desafio pede um partido vivo, isto é em contato com as lutas e aberto às transformações das novas vanguardas que surgem. Um diálogo entre um ator incontornável para uma democracia real no Brasil (o PT) e novas expressões de radical politização. Um partido participando das ocupações em curso. Ocupa PT?!


(*) Jean Tible é professor de relações internacionais do Centro Universitário Fundação Santo André

FUTSAL NO OSVALDÃO HOJE E AMANHÃ...PRESTIGIEM!!

SERT AUTORIZA IMPLANTAÇÃO DO BANCO DO POVO EM GAVIÃO PEIXOTO

Aqui neste mesmo espaço no dia de ontem, trouxemos a luta de cidadãos e políticos da cidade, na conquista importante do Banco do Povo Paulista. E no dia de hoje nossa reportagem recebeu um comunicado via e-mail do prefeito nos colocando que este assunto foi tratado desde o início com muito afinco pelo setor competente da Prefeitura. Como foi colocado a 1ª reunião se deu em 8 de agosto de 2013 (foto)
reunião na Secretaria de Gestão Pública para tratar do Banco do Povo e apoio ao esporte
 
 na Secretaria de Gestão Pública na presença dos deputados Davi Zaia e Arnaldo Jardim (ambos do PPS). E de nossa cidade estiveram neste encontro: Mateus Bueno, Simone Sanches, Marcelo Prando, Carlos Alberto e o vereador Alzemar 'Coca'. Ficou decidido que assim que a Câmera (vereadores) aprovasse o Projeto vindo do executivo, este fosse enviado a Sert e Secretaria de Gestão e nossa reportagem assim fez pelo estreito laço que eu pessoalmente tenho com Davi Zaia. Enviado uma cópia do Projeto. Posterior a este referido dia o prefeito me convidou para acompanhá-lo até São Paulo, quando tinha em pauta uma reunião com o Secretário Davi e assim aconteceu (foto)

Exibindo IMG_8362.JPG
Carlos Alberto, Davi Zaia e o prefeito Gustavo

 o prefeito comunicou: "Estive com o Antônio Mendonça (Diretor Executivo do Banco do Povo Paulista)  e ele autorizou a instalação do Banco do Povo em Gavião Peixoto.
Agora estou cuidando da parte burocrática de modo a preencher toda a documentação necessária e as exigências solicitadas pela Secretaria de Trabalho. Infelizmente me atrasei um pouco, pois na semana retrasada fiquei cuidando apenas dos aspectos relacionadas as Casas Populares e a Estação de Tratamento de Esgoto. Estou certo de que teremos boas notícias sobre ambos e minha dedicação a estes será plena.
Sobre o Banco do Povo, encaminho o ofício autorizativo para o estabelecimento. Desde já agradeço a todos que apoiaram esta causa, que não foram poucos. Você mesmo Carlos já realizou este pedido há tempos atrás acompanhado do Coca e demais autoridades civis. Faltam pequenos detalhes para sua implantação em Gavião Peixoto. Agradeço ao Davi Zaia pelo apoio político, ao Antônio Mendonça, diretor executivo do banco do povo, e a toda Câmara Municipal, que não mediu forças para que o projeto fosse aprovado com extrema velocidade. Será uma importante conquista ao microempreendedor gavionense. Foi da união de forças que este projeto se materializará e frutificará. Envio em anexo o telegrama de autorização do mesmo" (Gustavo Piccolo)

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

ESTADO DIMINUÍ JUROS DO BANCO DO POVO PAULISTA: GAVIÃO BUSCA ESTE EMPREENDIMENTO


Gavião Peixoto vem reivindicando esta conquista. Algo segundo nossa reportagem apurou muito aguardada pela municipalidade, comerciantes e micro-empreendedores individual. E esta busca começou em 8 de agosto de 2013 quando estivemos na Secretaria de Gestão Pública levando um ofício ao Secretário Davi Zaia. No final do ano passado o prefeito Gustavo Piccolo esteve reunido com Davi para ratificar o desejo da cidade ter esta conquista do BPP.
 
via @[219499641415346:274:Secretaria de Emprego e Relações do Trabalho]

Estado diminui juros do Banco do Povo Paulista; governador Geraldo Alckmin anuncia redução de taxa mensal de juros e ampliação de limite de empréstimo. Leia: http://goo.gl/1j8YcRAlckmin faz anúncio às 15h desta segunda-feira, no Palácio dos Bandeirantes (foto: Paulo Cesar Rocha)

 
Governador Geraldo Alckmin anuncia redução de taxa mensal de juros e ampliação de limite de empréstimo
São Paulo, 24 de fevereiro de 2014 - O governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, anuncia, às 15h desta segunda-feira (24), no Hall Nobre do Palácio dos Bandeirantes, redução da taxa de juros do Banco do Povo Paulista (BPP). Atualmente, a taxa é de 0,5% (meio por cento) mensais. Além da redução, o limite de empréstimo passa dos atuais R$ 15 mil para R$ 20 mil.
“Enquanto a União aumenta os juros, a gente diminui novamente e segue beneficiando o microempreendedor do nosso Estado”, destaca o secretário estadual do Trabalho, Tadeu Morais, em referência ao aumento da taxa Selic de 10% para 10,5% em janeiro deste ano. Quando implantado, em setembro de 1998, o BPP cobrava taxa de juros de 1%. Em setembro de 2009 foi reduzido para 0,7% e, em novembro de 2011, passou a 0,5%.
Alckmin também aumenta para R$ 20 mil o limite de empréstimos do programa de microcrédito. “No ano passado, tivemos um resultado excelente nas operações, foram mais de R$ 193 milhões emprestados, e neste ano queremos bater o recorde”, afirma Antonio Mendonça, diretor-executivo do BPP. A nova taxa e o limite começam a valer a partir do anúncio do governador.
Convênio junto ao Sebrae
O governador assina também durante o evento, convênio para instalação de 12 agências do BPP nos escritórios do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) da Capital. “São Paulo é um Estado de muitos empreendedores, e toda iniciativa no auxílio a essa população precisa ser valorizada e incentivada”, afirma Mendonça.
O secretário Morais revela que o governador Alckmin tem cobrado insistentemente para que o Banco do Povo Paulista esteja presente em todas as cidades do Estado. “Trabalhamos para cumprir essa determinação. Atualmente, 514 municípios de São Paulo contam com o programa. São 524 unidades instaladas”, destaca.
Mais sobre o BPP
O Banco do Povo Paulista, gerenciado pela Secretaria estadual do Emprego e Relações do Trabalho (SERT), favorece a geração de emprego e o aquecimento das economias locais, por meio da promoção de atividades produtivas. Em 15 anos, o programa emprestou mais de R$ 1,25 bilhão a 336,2 mil empreendedores.
O programa atende empreendedores formais ou informais, urbanos e rurais, microempreendedores individuais, produtores rurais, cooperativas e associações de produção formalmente constituídas do município. Atualmente, são 514 cidades atendidas.
Podem solicitar empréstimos pessoas físicas ou jurídicas (ou seja, os informais também podem se beneficiar) desde que não ultrapassem faturamento mensal de R$ 30 mil. Trata-se de crédito para fins produtivos. O BPP não faz empréstimo para consumo. Depois de ter o cadastro aprovado, o empreendedor recebe o dinheiro em até 72 horas.
Além dos microempreendedores, o BPP disponibiliza linhas de créditos especiais destinadas a mutuários da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) que desejam reformar ou ampliar o imóvel, a motofretistas que precisam se adequar à nova regulamentação do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), a taxistas que queiram investir na profissão e produtores rurais. A taxa de juros é a mesma oferecida aos microempreendedores.
Visando a capacitação do empresariado, o programa da SERT ainda oferece dez mini-cursos gratuitos no formato de ensino à distância, através da Escola do Empreendedor Paulista.
Confira informações detalhadas:
- Mutuários da CDHU
O valor do empréstimo vai até R$ 7,5 mil, que podem ser pagos em 36 vezes.
- Produtores rurais
Para quem deseja iniciar o negócio, o primeiro empréstimo tem limite de R$ 5 mil. Os produtores rurais que já desenvolvem a atividade podem solicitar até R$ 7,5 mil. O segundo empréstimo vai até R$ 10 mil e o terceiro, R$ 15 mil. São até 36 meses para quitar.
- Motofretistas
Os motofretistas podem se beneficiar com até R$ 6 mil para compra de novas motocicletas ou de equipamentos que atendam à lei. Parcelamento em até 24 vezes.
- Taxistas
Profissionais deste setor podem solicitar até R$ 10 mil e quitar as parcelas em até 24 meses.
- Escola do Empreendedor Paulista
Dez mini-cursos orientam empreendedores de todos os ramos de atividades: www.escoladoempreendedor.sp.gov.br
Confira relação completa de agências, no site: www.bancodopovo.sp.gov.br
Siga o BPP no Twitter: www.twitter.com/bancodopovo
Curta o BPP no Facebook: www.facebook.com/BancodoPovoPaulista
Cintia Ruiz e Tadeu Inácio
Assessoria de Imprensa da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT)

sábado, 22 de fevereiro de 2014

CORPO É ENCONTRADO EM RIO DE GAVIÃO PEIXOTO

Corpo é encontrado em rio de Gavião Peixoto

A suspeita é de que ele teria sofrido um infarto e caído na água

21/02/2014 - 13:50
Araraquara.com- Da reportagem
          Walter Strozzi/Tribuna Impressa
      O corpo foi encontrado no rio Jacaré Guaçu há cerca de 10 metros do pesqueiro (Walter Strozzi/Tribuna Impressa
O corpo de um homem de 56 anos foi encontrado nesta sexta-feira (21) pela manhã no pesqueiro Venturini, em Gavião Peixoto. Ele estava desaparecido desde a noite da última quinta-feira (20) e a suspeita é de que ele teria sofrido um enfarto e caído no rio.
Segundo informações dos familiares, ele e mais dois rapazes trabalhavam no pesqueiro para realizar reparos e ele estaria sozinho no tablado. Ao final do dia, ao procurá-lo, ninguém o encontrou.
A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados e iniciaram as buscas pelo local, onde o encontraram no rio Jacaré Guaçu, há cerca de 10 metros do pesqueiro.
O corpo foi encaminhado para o IML de Araraquara onde deverá ser examinado para identificar a real causa de sua morte.

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

EXEMPLO DE SUPERAÇÃO E DEDICAÇÃO AO ESPORTE...ASSIM É CIDINHO!

Nos Jogos Regionais de 2013 na cidade de Araraquara, nossa reportagem este presente acompanhando os atletas de Gavião Peixoto. Em partidas no Ginásio da Pista, dei um pulo na Pista de Atletismo ao lado. E pude registrar a competição PCD (Pessoas com Deficiência), e um amigo 'irmão' de minha cidade natal competia, o exemplo de amor a vida e ao esporte Cidinho Dias, e conquistou algumas medalhas para Cidade Folclore. E destas imagens um site de Santo Antônio da Alegria do meu amigo e conterrâneo Maicon Douglas resolveu fazer uma linda matéria em homenagem a este cidadão e esportista predestinado, dedicado e acima de tudo um exemplo, que não há limitação física que impede quem tem força de vontade de vencer as barreiras. 
 
Abaixo a matéria do site: descubrasantoantoniodaalegria.com
Cidinho exemplo de força de vontade e persistência!
 
Exemplo de força de vontade e persistência, ele é Aparecido José Dias, popularmente conhecido como Cidinho, uma de nossas personalidades que carrega o nome de nossa cidade pela região e estado de São Paulo, em competições esportivas para atletas portadores de necessidades especiais.
Aparecido J. D. é um amante do esporte e dedica sua vida a ele, organizando eventos do gênero no município, tais como a realização de diversos campeonatos e eventos maiores como o tradicional JASA (Jogos Abertos de Santo Antônio da Alegria) e não apenas de organizar e comandar tais modalidades vive Cidinho, ele também participa de diversos jogos na região e no estado de São Paulo e já foi vencedor de muitos deles, conquistando várias medalhas de ouro. As modalidades das quais participa são: Arremesso de Peso, Dardo e Disco.
Suas vitórias vem de um esforço pessoal, tendo em vista que nasceu com uma doença degenerativa e sem cura, que ataca os ossos, dificultando a circulação e consequentemente sua locomoção. Pode-se afirmar que suas conquistas sejam por sua força de vontade, pois não possui os equipamentos (cadeira própria e pesos) necessários para treinar durante o ano.
Ele fala que está cada vez mais difícil prosseguir com os esportes, devido a seu problema de locomoção e precisa de uma cadeira de rodas elétrica, porém o mesmo não possui condições financeiras para a aquisição; mas afirma que enquanto Deus lhe der saúde para prosseguir e fazer o que tanto ama, ele seguirá em frente, enfrentando as dificuldades, porém com um sorriso estampado no rosto.

Imagem: Blog "A Cidade de Asas"
Fonte: Aparecido J. Dias / Blog "A Cidade de Asas"

CORTE DE FLAMBOYANTS GERA POLÊMICA EM NOVA EUROPA

Corte de flamboyants de mais de 30 anos gera polêmica em Nova Europa

Área era considerada um cartão-postal e moradores reclamaram da ação.
Prefeitura afirma que árvores estavam condenadas com cupins e fungos.

Do G1 São Carlos e Araraquara

Lamboyants de mais de 30 anos são cortados em Nova Europa (Foto: Reprodução/EPTV)Lamboyants de mais de 30 anos são cortados em Nova Europa (Foto: Reprodução/EPTV)
Os flamboyants de mais de 30 anos da Avenida Ulisses Guimarães, em Nova Europa (SP), estão sendo derrubados. Já foram cortadas 12 árvores, mas muitos moradores estão revoltados porque a área é considerada um cartão-postal da cidade. A população do bairro reclama dos problemas causados por galhos e raízes. A Prefeitura informou que as árvores estão com cupins e fungos e podem cair.
A professora Leonilde Rubira disse estar arrasada com o corte. Apesar de morar em outro bairro ela lembra como eram os pés de flamboyants. “Eu cheguei aqui hoje e estou inconformada de ver a nossa cidade sendo devastada, infelizmente. Essas árvores eram lindas, e são o patrimônio da cidade. Elas floriam no mês de novembro e nós passávamos aqui só pra ver a beleza da paisagem”, contou.
A esteticista Silvia Cerri, que mora no bairro, questionou a ação da Prefeitura. “Alegaram que elas estavam com cupim e broca, mas todas as árvores estavam doentes? Não tinha como tratar, foi mais fácil cortar as árvores com mais de 30 anos. A Prefeitura alegou que vão plantar outras, mas quanto tempo vão demorar para crescer?. Mais de 30 anos novamente”, disse.
Prejuízos
As flamboyants ficavam localizadas próximo ao cemitério e o velório. Quem mora do outro lado da rua reclama que as árvores eram um prejuízo e uma ameaça. Os galhos próximos a rede elétrica preocupam o aposentado Adão Alves. “Já caiu galhos em cima dos fios elétricos e queimaram o meu filtro de água, só não queimou mais coisas por sorte”, relatou.
Quem mora próximo reclama que as árvores eram um prejuízo e uma ameaça.  (Foto: Rodrigo Sargaço /EPTV)Moradores reclamam que as árvores eram prejuízo
e ameaça. (Foto:Rodrigo Sargaço /EPTV)
E sempre que chove a preocupação aumenta. “E se quebra um fio desse e passa uma criança e pega na mão, pode acontecer uma desgraça. Mas as pessoas que reclamam dos cortes não moram aqui e não dependem daqui”, concluiu Alves.
As raízes também provocaram rachaduras nos quintais das casas. A doméstica Joana dos Santos disse que já mandou arrumar várias vezes o piso, mas não adianta. “Essas árvores não tem condições de ficar aqui, está rachando toda a casa e está prejudicando, a gente arruma volta tudo de novo por consequência das árvores”, contou.
Condenadas
De acordo com o engenheiro agrônomo da Prefeitura, Antônio Carlos Silva, as árvores estavam condenadas. “Muitas delas já estavam em uma fase de deterioração, na parte interna está oca e com fungos. Muitas estão com cupim e que comprometem o ambiente onde vivem. Elas poderiam cair a qualquer momento, causando algum dano”, explicou.
Ainda segundo Silva, outras espécies serão plantadas no local. “Vamos adquirir uma mudas com certo porte de altura para que se tenha o crescimento mais rápido e em um prazo de 4 ou 5 anos elas já estejam no tamanho adequado”, disse Silva.
Critérios
A primeira necessidade de uma poda de árvore é aquela quando os galhos atingem a viação elétrica comprometendo a distribuição de energia. O biólogo Paulo Macini explicou que há alguns critérios para que a poda seja feita com consciência.
“Principalmente quando elas começam a atrapalhar o tráfego de carros e de pessoas. Tem a poda de “saia”, assim chamada porque podamos para que as pessoas não batam a cabeça nos galhos. Há também as poda preventivas, quando os galhos estão podres, evitamos que eles caiam nas pessoas”, explicou o biólogo.

NOVAS REGRAS PARA PLANOS DE TV,WEB E TELEFONE

21 de Fevereiro de 2014

Fim da agonia? Conheça novas regras para planos de TV, web e telefone

Uma das mudanças é a obrigatoriedade de uma opção para "cancelamento automático" de serviços


Segundo novas regras, consumidor poderá cancelar serviço sem falar com atendente de call center Foto: Terra
Segundo novas regras, consumidor poderá cancelar serviço sem falar com atendente de call center
Foto: Terra
 
A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou na noite da quinta-feira um novo conjunto de regras para melhorar a relação dos consumidores com as prestadoras de serviços de telecomunicações (TV à cabo, internet e telefonia fixa e móvel).

A agência levou em consideração os principais problemas registrados pelos consumidores na central de atendimento - em 2013, foram 3,1 milhões de reclamações contra operadoras, a maioria delas relacionadas à cobrança (33,9% do total).

As novas obrigações previstas no regulamento variam de acordo com o porte da operadora e têm prazos de 120 dias a 18 meses, contados a partir da publicação do regulamento, para entrarem em vigor. A publicação das novas regras no Diário Oficial da União deve ocorrer nos próximos dias. Confira as principais mudanças:

Cancelamento automático
Mesmo sem falar com um atendente da operadora, o cliente poderá cancelar um serviço por meio da internet ou simplesmente digitando uma opção no menu na central de atendimento telefônico da prestadora. O cancelamento automático deverá ser processado pela operadora em, no máximo, dois dias úteis.
Prazo para implementação: 120 dias após a publicação do regulamento

Se ligação cair, operadora deve retornar
A prestadora será obrigada a retornar a ligação para o consumidor caso haja corte no atendimento por meio de call center. Caso não consiga retomar contato, a operadora deve mandar mensagem de texto com número de protocolo. A conversa deve ser gravada, assim como os demais diálogos entre a central de atendimento da prestadora e o usuário, e deve ser armazenada por seis meses. O consumidor tem direito a cópia dessas gravações.
Prazo para implementação: 120 dias após a publicação do regulamento

Contestar cobranças
Sempre que o consumidor questionar o valor ou o motivo de uma cobrança, a empresa terá 30 dias para lhe dar uma resposta. Se não responder neste prazo, a prestadora deve automaticamente corrigir a fatura (caso ela ainda não tenha sido paga) ou devolver em dobro o valor questionado (caso a fatura já tenha sido paga). O consumidor pode questionar faturas com até três anos de emissão.
Prazo para implementação: 120 dias após a publicação do regulamento



Validade do crédito
Todas as recargas de telefonia celular na modalidade de pré-pago terão validade mínima de 30 dias. Atualmente, são oferecidos créditos com períodos de validade inferior, o que confunde o consumidor. As operadoras deverão ainda oferecer duas outras opções de prazo de validade de créditos, de 90 e 180 dias. Estas opções devem estar disponíveis tanto nas lojas próprias como em estabelecimentos que estão eletronicamente ligados à rede da operadora (supermercados, por exemplo). O usuário também deverá ser avisado pela prestadora sempre que seus créditos estiverem na iminência de expirar.
Prazo para implementação: 120 dias após a publicação do regulamento

Promoções
Atualmente, muitas operadoras fazem ofertas promocionais (com preços mais baixos, ou mesmo com algumas gratuidades) para captar novos assinantes, mas não oferecem as mesmas condições para aqueles que já assinam os seus serviços. Com o novo regulamento, qualquer um - assinante ou não - tem direito a aderir a qualquer promoção que for anunciada pela operadora, na área geográfica da oferta. Caso já seja cliente, o interessado em mudar de plano precisa ficar atento sobre eventual multa decorrente da fidelização do seu plano atual.
Prazo para implementação: 120 dias a contar da publicação do regulamento

Transparência
Antes de formalizar a contratação de qualquer serviço, as operadoras deverão apresentar ao potencial cliente, de forma clara e organizada, um sumário com as informações sobre a oferta. As empresas devem informar, por exemplo, se o valor inicial é ou não uma promoção - e, caso seja promoção, até quando ela vale e qual será o valor do serviço quando ela terminar. Também devem deixar claros, entre outros pontos, os seguintes: quanto tempo demora até a instalação do serviço; o que está incluído nas franquias e o que está fora delas, e; quais velocidades mínima e média garantidas para conexão, no caso de internet.
Prazo para implementação: 120 dias após a publicação do regulamento



Acesso pela web
Com o uso de senha individual, os consumidores terão acesso via internet às informações mais importantes sobre sua relação com a operadora, entre elas: o contrato em vigor; as faturas e os relatórios detalhados de consumo dos últimos seis meses; um sumário que, de forma simples, informe para o consumidor quais são as características do contrato: qual é a franquia a que ele tem direito, o que entra e o que não entra na franquia, qual é o valor de cada item contratado. O usuário tem direito a acessar suas informações até seis meses depois de eventual rescisão do contrato.
Prazo para implementação: 12 meses após a publicação do regulamento

Protocolos e gravações
Pela internet, o consumidor também terá acesso ao histórico de todas as demandas (reclamações, pedidos de informação, solicitações) que fez à operadora, por qualquer meio, nos últimos seis meses. Também será possível solicitar a cópia das gravações de atendimentos realizados por meio de central telefônica. O acesso às informações também deverá ser permitido até seis meses após eventual rescisão.
Prazo para implementação: 12 meses após a publicação do regulamento

Comparação de preços
A Anatel quer facilitar a tarefa de comparação de preços e ofertas para o consumidor. Para tanto, o regulamento prevê que todas as operadoras, de todos os serviços, deverão disponibilizar, em forma padronizada, os preços que estão sendo praticados para cada serviço, bem como as condições de oferta.
Prazo para implementação: 12 meses após a publicação do regulamento

Cobrança antecipada
Hoje, algumas operadoras fazem a cobrança da assinatura dos serviços antes de eles serem utilizados pelos consumidores. Por exemplo: no começo de fevereiro, já é feita a cobrança dos serviços que serão prestados até o final deste mesmo mês. Nesses casos, se o consumidor cancelar o serviço no meio de um mês que ele já pagou, tem que esperar até receber de volta os valores já pagos. Com o novo regulamento, a cobrança só poderá ser feita após a fruição dos serviços. Assim, se o cliente quiser cancelar o serviço no meio do mês, pagará em sua próxima fatura apenas o valor proporcional ao período em que efetivamente usou o serviço.
Prazo para implementação: 120 dias após a publicação do regulamento

Combos
Com o novo regulamento, os consumidores de pacotes combo (que unem telefonia fixa, banda larga e TV por assinatura, por exemplo) poderão resolver assuntos relativos a qualquer um dos serviços entrando em contato com uma única central de atendimento telefônico.
Prazo para implementação: 18 meses após a publicação do regulamento

GOVERNADOR LIBERA MAIS R$ 15O MIL PARA RECAPE EM GAVIÃO PEIXOTO A PEDIDO DO PRESIDENTE DO LEGISLATIVO

Segue uma matéria da íntegra nos enviada pela assessoria do Deputado Estadual Sebastião Santos (PRB). E que postamos de modo que nossa população sempre tome ciência dos Parlamentares que tem de fato compromisso com nossa Cidade de Asas...e sempre com fotos ou documentação que comprova tal divulgação:

Governador libera mais R$ 150 mil para recape de Gavião Peixoto
a pedido do presidente da Câmara e do deputado Sebastião Santos

 Exibindo Joel fera_sebastiao.jpg
O governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, liberou mais R$ 150 mil para recapeamento de Gavião Peixoto a pedido do deputado estadual Sebastião Santos (PRB) e do presidente da Câmara, Joel Fera (PRB). O recurso está direcionado para o Jardim Brasil. Se somado com os R$ 150 mil já empenhados pelo deputado Sebastião para recape do bairro, o valor conquistado pelos parlamentares do PRB chega a R$ 300 mil investimento para a cidade.

A notícia de mais recursos públicos do governo do estado chegou pelo correio. O presidente da Câmara recebeu na terça-feira (18/02) um telegrama pessoal do governador. “Com abraço, comunico estimado presidente que aprovei o convênio no valor R$ 150 mil para execução de obras de infraestrutura (recapeamento asfáltico) no Conjunto Habitacional Jardim Brasil”, diz o telegrama assinado por Alckmin.

Para Sebastião, os recursos devem ser suficientes para recapear todo o bairro. “Com os primeiros R$ 150 mil, sabíamos que conseguiríamos recuperar apenas as ruas que estivessem em situação precária. Por isso, Joel e eu solicitamos ao governador mais recursos. Agora com os R$ 300 mil será possível beneficiar toda a população do Jardim Brasil”, explica o deputado.

O presidente acredita que o PRB está fazendo história na cidade. “Estou muito feliz em conquistar esse recurso para Gavião Peixoto. Agradeço a parceria do deputado Sebastião, pelo apoio de sempre, juntos estamos conquistando muita coisa para a cidade. A gradeço ainda o governador  mais este recurso importantíssimo ”, disse Joel.

CCI e Casas

Por intercessão do deputado Sebastião Gavião Peixoto foi contemplada no ano passado com um Centro de Convivência do Idoso (CCI) a pedido do presidente da Câmara, Joel Fera (PRB), e do prefeito Gustavo Piccolo. O CCI terá salão para atividades coletivas, cozinha, dispensa, escritório, sanitários e varanda em um prédio de 200 m².  A previsão é que a obra fique pronta ainda em 2014.

Em maio de 2013, Gavião Peixoto (SP) também foi contemplada com um conjunto habitacional do Governo do Estado de São Paulo por indicação do deputado Sebastião. O prefeito Gustavo assinou a primeira parte da documentação no dia nove daquele mês. Este é o primeiro conjunto habitacional que Gavião Peixoto receberá, serão construídas 100 moradias populares ao município.

Suelen Tavares Poalchini – Assessora de Comunicação

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

HEAB DISPONIBILIZARÁ MIL CIRURGIAS ELETIVAS

Por Redação

Serviços disponibilizados a partir de março pelo Hospital de Américo incluem mais três mil consultas e outros mil exames laboratoriais

Data: 20/02/2014 08:33:30
O diretor geral do Heab (Hospital Estadual Américo Brasiliense), Tales Rubens de Nadai, informou, nesta quarta-feira (19), que a partir de março a instituição aumentará o número de cirurgias eletivas para os 24 municípios que compõem a Diretoria Regional de Saúde, ou DRS III.
Com o anúncio, serão disponibilizadas neste ano mais mil cirurgias eletivas (aquelas consideradas não urgentes), relativas a problemas de vesícula, catarata, varizes, hérnia e ginecológicos. Também serão oferecidos neste período mais três mil consultas e outros mil exames laboratoriais.
O anúncio do aumento na oferta dos serviços do Heab vem ao encontro das reivindicações feitas ao longo de 2013 pela Aprec (Associação dos Prefeitos da Região Central do Estado de São Paulo), presidida pelo prefeito Marcelo Barbieri.
O prefeito Marcelo agradeceu ao governador Geraldo Alckmin, ao secretário estadual de Saúde e ao secretário-adjunto Wilson Pollara, que participou da última reunião da Aprec. “A ampliação do serviço do Hospital de Américo vai beneficiar várias cidades da região de Araraquara e diminuir o tempo de espera da população pelas cirurgias eletivas. Essa conquista só foi possível graças à união dos prefeitos e à força da Aprec”, afirmou Marcelo.

GAVIÃO PEIXOTO CONQUISTA RECURSO INÉDITO PARA MORADIAS

Gavião Peixoto conquista recurso inédito para a habitação
Fonte: Assessoria de Imprensa
Data da Publicação: 12/2/2014
Gustavo Martins Piccolo, prefeito do município de Gavião Peixoto (região de Araraquara) assinou convênio inédito nesta quarta-feira (12/2), na secretaria estadual de Habitação.
Pela primeira vez, segundo o chefe do executivo, o município vai receber recursos destinados a suprir o déficit habitacional do município. A parceria prevê repasse de R$ 200 mil para a aquisição de 100 terrenos que vão abrigar igual número de novas moradias.
Ao ato de assinatura do convênio, estavam presentes, além do prefeito Gustavo, o secretário estadual adjunto de Habitação, Marcos Rodrigues Penido; o presidente da CDHU, Nilton Dallari; e o assessor Paulo de Tarso, representando o deputado federal Vaz de Lima.
Ao visitar Gavião Peixoto, em outubro do ano passado, Vaz de Lima recebeu do jovem prefeito explicações sobre as mudanças na demografia da cidade, provocadas pela instalação de uma filial da Embraer. A linha de montagem de aeronaves abriu novas frentes de trabalho e atraiu centenas de novos moradores, daí a necessidade de mais moradias.
O parlamentar considerou justa a reivindicação e, de imediato, encaminhou a solicitação à secretaria de Habitação.
O prefeito enfatizou “que é a primeira vez que Gavião Peixoto recebe investimento estadual na área de habitação. Somos gratos ao governador Geraldo Alckmin e ao deputado Vaz de Lima, que foi incansável na luta para tonar esse sonho do nosso município em realidade”.
Prefeito Gustavo com o secretário adjunto, Marcos Rodrigues e com o presidente da CDHU, Nilton Dallari
Durante visita a Gavião Peixoto (ao lado prefeito Gustavo e do vereador Juninho), Vaz de Lima conhece área que poderá abrigar as 100 novas residências

Abaixo é um documento do Programa Especial de Melhorias, que mostra que a cidade além dos R$150 mil já conquistados com apoio do deputado Sebastião Santos (via emenda do Parlamentar). O deputado do PSDB Vaz de Lima intermediou a conquista de outros R$ 150 mil para um suporte maior para o recape do Jardim Brasil, bairro que  pelo tempo que foi asfaltado (20 anos), tem algumas vias que necessitam com urgência deste serviço de infraestrutura urbana.
 

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

DE NOVO: AGROTÓXICO MATA CENTENAS DE ABELHAS EM GAVIÃO PEIXOTO

Agrotóxico mata milhões de abelhas em Gavião Peixoto

18/02/2014 - 17:53
Agencia Estado- Agencia Estado
               
Agrotóxicos usados para combater pragas em lavouras de soja, café e feijão e em herbicidas causaram a morte de pelo menos quatro milhões de abelhas em Gavião Peixoto, na região central do Estado de São Paulo. Os laudos dos exames feitos em laboratório a pedido do departamento de Agricultura e Meio Ambiente do município foram divulgados nesta terça-feira (18). As mortandades vêm ocorrendo desde 2012, mas se intensificaram em dezembro do ano passado. O município é grande produtor de mel e chega a colher dez toneladas por ano.
Os laudos apontaram a presença de glifosato, componente dos principais herbicidas comerciais, no organismo das abelhas. Os produtos com esse princípio ativo são usados para controle de ervas daninhas e como dissecante no manejo das lavouras. Também foi encontrado o clorpirifós, um inseticida largamente usado para o controle de pragas em lavouras de grãos, cana-de-açúcar, laranja e café. De acordo com pesquisadores, a ação conjunta dos dois agroquímicos pode ter potencializado a toxicidade para as abelhas.
Alguns produtores perderam mais de uma centena de colmeias. O uso dos produtos químicos nas lavouras é liberado pelo Ministério da Agricultura, mas com controle na aplicação. O departamento municipal de Agricultura e Meio Ambiente, com o apoio do departamento de Biologia da Universidade Estadual Paulista (Unesp) de Rio Claro, busca alternativas para manter as abelhas longe do veneno usado nas plantações. Uma delas é desenvolver a apicultura migratória, levando as abelhas para áreas de mata preservada. Também está sendo proposta a criação de um comitê para acompanhar o uso de defensivos nas lavouras.

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

PROJETO CARAVANA CULTURAL DESEMBARCA EM EMBÚ DAS ARTES

Exibindo Obra de arte Embú das Artes.jpg
A Secretaria de Cultura de Gavião Peixoto desembarcou em sua primeira viagem de 2014 pelo Projeto Caravana Cultural na cidade de Embú das Artes, conhecida por ter várias atrações turísticas.
Nossos munícipes gavionenses tiveram a oportunidade de conhecer o Centro Histórico, O Museu de Arte Sacra, que foi construído no século XVIII e que compõe o patrimônio histórico da cidade, também o Memorial Sakai, a capela de São Lázaro, Capela Santa Cruz e a tão conhecida feira de Embu que oferece aos visitantes puderam também adquirir em suas lojas móveis rústicos, arte, artesanato, plantas ornamentais entre outras variedades. O passeio é sempre gratuito e faz parte do Projeto da Secretaria de Cultura em parceria com a Prefeitura Municipal. Aos que perderam essa viagem e se interessaram pelo projeto, devem ficar atentos ao blog da secretaria de cultura (culturagaviao.blogspot.com.br), ao faceboook (Secretaria de Cultura de Gavião Peixoto) e também podem entrar em contato pelo tel: 3308-1515 e ficar atentos em toda a programação da secretaria. Sábado agora, dia 22/02, no anfiteatro do Espaço do Saber, às 20h será apresentada a peça teatral “Ao revés do Papel” com o grupo Preto no Branco, os presentes ainda participarão de sorteio de brindes. Venha prestigiar.


ASSIM GPX
MTB 58003/SP

ACESSA SÃO PAULO: PRÊMIO MÁRIO COVAS

 

Prêmio Mario Covas prorrogada inscrições até o fim de fevereiro

Objetivo é reconhecer práticas criativas que aprimoram a qualidade dos serviços públicos
As inscrições para a 10ª edição do Prêmio Mario Covas foram prorrogadas. Os interessados terão agora até o dia 28 de fevereiro para realizar o seu cadastro.
O Prêmio é de iniciativa da Secretaria de Gestão Pública e tem o objetivo de reconhecer projetos que melhorem o acesso da sociedade civil aos serviços oferecidos pelo Governo de São Paulo.
A cerimônia de premiação está prevista para o primeiro semestre de 2014. Podem se inscrever servidores e empregados públicos dos três poderes do Estado, entre eles, servidores e empregados públicos municipais que exerçam iniciativas conduzidas em colaboração com o Governo; usuários de centros gratuitos de inclusão digital, como o Acessa SP, Programa de inclusão digital coordenado pela Secretaria de Gestão Pública; e cidadãos.
Nova categoria
Neste ano, a novidade é a 5ª categoria inclusa, Melhoria do Gasto Público, que visa premiar ações desenvolvidas pela administração direta, autárquica e fundacional do Estado, que promovem ganhos de eficiência na utilização dos recursos públicos e desperdício zero. A edição conta, ainda, com as outras quatro modalidades já existentes: Cidadânia em Rede, voltada para usuários de centros gratuitos de inclusão digital do Estado; Governo Aberto, dedicada a valorizar iniciativas de cidadãos que utilizam base de dados governamentais para melhorar o acesso aos serviços públicos; Inovação em Gestão Municipal, voltada para servidores e empregados públicos municipais que incentivam projetos de cidadãos paulistas; e Inovação em Gestão Estadual, que premiará iniciativas desenvolvidas por servidores e empregados públicos estaduais.
A pedido do governador Geraldo Alckmin, a última edição Prêmio Mario Covas concedeu quatro prêmios especiais para cada categoria, que apresentou iniciativas que melhor demonstraram a excelência no uso dos recursos públicos. O resultado foi tão positivo que, para esta 10ª premiação, decidimos elevar o destaque ao status de categoria”, explica o secretário de Gestão Pública, Davi Zaia.
No total, serão considerados vencedores e premiados 14 projetos. Desses, seis trabalhos serão premiados na categoria Inovação e Gestão Estadual, e dois em cada uma das demais. As iniciativas vencedoras receberão troféus e certificados.
Também poderão ser concedidas, a critério da banca julgadora, menções honrosas aos trabalhos finalistas que mais se destacarem.
Prêmio Mario Covas
Os interessados em participar devem preencher o formulário de inscrições on-line, disponível no portal do Prêmio Mario Covas: http://www.premiomariocovas.sp.gov.br/2013/inscricoes.asp
Parceiros:
O Prêmio Mario Covas é de iniciativa do Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Gestão Pública, em parceria com a Fundação do Desenvolvimento Administrativo (Fundap), Fundação Prefeito Faria Lima – Centro de Estudos e Pesquisas de Administração Municipal (CEPAM) e Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo (Prodesp) e apoio da Fundação Mario Covas (FMC). Uma homenagem a um dos políticos mais expressivos do Estado de São Paulo e do país.
Serviço:
Inscrições até 28 de fevereiro de 2014