NOSSO TEMPO

terça-feira, 28 de março de 2017

SERVIDORES E SINDICATO PEDEM REUNIÃO COM PREFEITO DE GAVIÃO PEIXOTO

27 de março de 2017
Gavião Peixoto: Servidores e Sindicato pedem reunião com prefeito
Após rejeitar a última proposta do governo, categoria quer continuar negociação sentada à mesa com a Administração; próxima assembleia será segunda-feira, 3, na Câmara Municipal

O diálogo é sempre a melhor opção para resolver conflitos. Em Gavião Peixoto, a negociação da data-base 2017 dos servidores municipais tem sido produtiva. Após seis assembleias e a crescente participação dos trabalhadores, várias reivindicações da categoria foram aceitas pela Administração e as três propostas de reajuste no salário e no tíquete ainda não atenderam a expectativa e foram rejeitadas.
Na última assembleia, realizada quinta-feira, 23, os servidores mais uma vez não aceitaram as propostas do governo e decidiram propor um diálogo mais direto para dar agilidade ao processo de negociação. Eles querem continuar a negociar diretamente com o prefeito Gustavo Piccolo (PHS), em reunião com a Administração, um grupo de servidores e o Sindicato.
A proposta já foi protocolada na Prefeitura.
A próxima assembleia está marcada para a próxima segunda-feira, dia 3, às 19h, na Câmara Municipal. A data foi alterada por causa do ato nacional contra a terceirização e a reforma da Previdência convocado para o dia 31, às 16h30, na Praça Santa Cruz, em Araraquara.
A comissão que irá para a reunião com o prefeito, caso ele aceite conversar, já foi montada, por livre adesão, com representantes de cada categoria na primeira assembleia realizada na Câmara.
É importante destacar que participar da assembleia não significa ser contra o governo ou contra o prefeito. Participar da assembleia significa apenas que você está interessado em saber como está sendo a negociação, seja você a favor ou contra. Só isso. Não xingamos, não temos ódio, não queremos tumulto, nem greve, nem problemas. Só queremos negociar o que é melhor para a categoria, junto com os servidores. Greve é a última saída, que só é utilizada quando não há mais diálogo, o que não é o caso em Gavião Peixoto.
Aproveitamos para reconhecer o respeito da Prefeitura de Gavião Peixoto pela organização dos servidores e pela representação do SISMAR, analisando e respondendo as propostas da categoria. Essa postura de respeito ao diálogo sempre será valorizada pelo Sindicato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.